Texto Completo


MINA DE OURO
Fonte : Manaira Medeiros – Século Diário

Para além da questão ambiental e social, a criação da Frente Parlamentar dos Novos Portos na Assembleia Legislativa, proposta pelo presidente da Casa, Theodorico Ferraço (DEM), chama atenção nos bastidores por mexer com uma área pra lá de lucrativa para a classe política, leia-se: financiamentos de campanha eleitoral. A frente aprovada é composta por 18 parlamentares, de diferentes partidos, e vai meter a colher em projetos de interesse do governo do Estado, que pretende transformar o litoral capixaba em uma extensa área portuária, custe o que custar para o meio ambiente e para as comunidades que dependem da pesca artesanal no Espírito Santo. Theodorico, que nunca deu ponto sem nó, já começou a história com foco nos projetos previstos para Itapemirim, seu reduto eleitoral e onde pretende eleger novamente a mulher Norma Ayub (DEM) – se a Justiça assim permitir – e Presidente Kennedy, também no sul do Estado, região de votos da grife Theodorico. O outro município prioritário anunciado por ele será Vila Velha, que também concentra muitos interesses políticos. A criação da frente consolida uma movimentação feita pelo presidente da Assembleia desde o ano passado nesse cenário portuário, inclusive com pressão à gestão Hartung (PMDB). Com investidores em potencial e uma mesa de negociação deste porte, alguém arriscaria dizer que Theodorico não fará estragos eleitorais por aí? O tempo logo dirá.
Data de publicação : terça-feira, 17 de maio de 2016

 

    ©2010 Krassine Soares Pinheiro Filho   -   Administrador