Texto Completo


Porto de Itajaí reajusta tarifas para enfrentar queda na arrecadação
Fonte : Sol Diário/Dagmara Spautz

A autoridade portuária aumentou os valores da tabela 1, pagas pelos armadores para atracações em Itajaí ou Navegantes. O reajuste deve minimizar a perda de receita que se acentuou nos últimos anos, com a redução no número de atracações (decorrentes do uso de navios maiores) e na armazenagem. O aumento, autorizado em junho pela Antaq, deixou as taxas 21% mais caras: a movimentação de cada contêiner cheio custa agora R$ 73,57 e a de contêiner vazio, R$ 32,70.

O reajuste de tabelas portuárias foi liberado pela Antaq em todo o país – em Imbituba, por exemplo, a autorização foi para elevar os preços ainda mais, em até 39% (esse é o teto do aumento, não necessariamente aplicado pelo porto). Em Itajaí o último reajuste, de 10%, havia ocorrido em 2013.

A tabela 1 é a usada para pagar por serviços de manutenção do Complexo Portuário. Com as contas fechando seguidamente no vermelho, a autoridade portuária também decidiu suspender por 60 dias a dragagem de manutenção da profundidade do canal, conforme publicamos ontem por aqui.
Data de publicação : sexta-feira, 11 de setembro de 2015

 

    ©2010 Krassine Soares Pinheiro Filho   -   Administrador