Texto Completo


PLC 30/2015 terá sessão temática, no Senado
Fonte : Andréa Margon

Debater o PL 4330/2004, do ex-deputado federal Sandro Mabel (quando ainda integrava o quadro parlamentar do PMDB, depois, migrou para o PR). O texto expande a terceirização no país, o que representa a ampliação da precarização do trabalho no Brasil. Num primeiro momento, a sessão aconteceria hoje (12). Contudo, conforme a mesa do Senado me informou, a sessão foi remarcada para o próximo dia 19, às 11h.

O PL foi para o senado com outra nomenclatura. Agora é Projeto de Lei da Câmara (PLC) 30/2015 e o presidente da casa, Renan Calheiros, convidou algumas autoridades para essa sessão temática como o ministro do Trabalho, Manoel Dias; o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Barros Levenhagen; representantes patronais da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e da Confederação Nacional do Comércio (CNC), representantes sindicais e do Ministério Público do Trabalho.

Todo o Brasil vem acompanhando o tramitar desse PLC e os trabalhadores portuários capixabas não estão de fora deste processo. Participação de movimentos, como o do dia 15 de abril e de debate na Assembleia Legislativa sobre o tema.


Leia mais

:: As relações de trabalho e o PL 4330/2004

:: Trabalhador portuário muda com novo perfil das embarcações e das cargas

:: Entrevista - Portos centralizados não favorecem planejamento integrado


:: Entrevista - A precarização do trabalho será derrotada nos portos

:: Enquete sobre o PL 4330

:: Trabalhadores terceirizados trabalham mais e ganham menos

:: Como a terceirização pode multiplicar problemas trabalhistas

:: Trabalhadores Portuários falam, na ALES, sobre PL 4330

:: Saiba aqui quem é Sandro Mabel, o ex-deputado rico que inventou o PL 4330 em 2004
Data de publicação : terça-feira, 12 de maio de 2015

 

    ©2010 Krassine Soares Pinheiro Filho   -   Administrador